Listas

1 gênero, 5 livros: New Adult.

5 indicações dentro do gênero New Adult.

Mais indicações dentro de algum gênero específico!

Dessa vez escolhi o new adult! Para quem não sabe, new adult se refere à “novo adulto”, ou seja, trata de ficção com a faixa etária de 18 até os 25 anos por aí, pegando a fase de fim de ensino médio e faculdade.

Tentei pegar cinco livros bem diferentes entre si e eu adoro todos, já saibam, haha.

1.Um Caso Perdido.

Resultado de imagem para um caso perdido

Colleen Hoover é a primeira autora citada e não choca ninguém.

Aqui acompanhamos Sky, uma garota que era criada por uma mãe adotiva e não tinha contato quase nenhum com a sociedade. Não ia para a escola, não tinha redes sociais, isso até chegar o último ano, quando enfim ela convence a mãe a enfrentar a escola e assim acaba conhecendo Dean Holder, um bad-boy que vai tornar a vida dela de cabeça para baixo.

Acho que esse foi meu primeiro contato com o gênero, se não foi o primeiro foi um dos, e foi uma experiência maravilhosa. O livro trata de um assunto um tanto quanto pesado e tem até uma cena de suicídio, mas vale a pena a leitura.

O jeito leve e ao mesmo tempo tenso de tratar desses assuntos é sem dúvida o que torna esse livro excelente. Eu li com 14 anos e mesmo que tenha me chocado, não foi algo pesado, só me deixou entusiasmada, abalada momentaneamente com tudo o que acontecia e era revelado ali.

Tem um romance bem legal e convincente, e já aviso que há cena de sexo, não é algo muito expositivo a ponto de ser erótico, mas é hot, e tem gente que não gosta disso, então fica o aviso.

De qualquer forma, não teria como eu não indicar esse livro, que é meu favorito dentre os new adults e certamente está na lista dos favoritos da vida.

2) O Acordo.

Resultado de imagem para o acordo

Vou citar essa série que está sendo minha favorita em 2019 sim!

Nesse primeiro livro, como o próprio nome diz, tudo gira em torno de um acordo entre o cara popular, jogador de hóquei, da faculdade, Garrett e a nerd e aspirante à cantora, Hannah. Ele precisa muito de nota para passar em uma matéria e seguir jogando no time de hóquei, pedindo a ajuda dela, que era destaque nessa aula, para auxiliá-lo.

É um clichê. O livro citado acima meio que quebra a expectativa do gênero, porque não é, mas esse aqui é sim e isso não o deprecia de forma alguma.

Ainda tratamos de coisas pesadas como estupro, abuso e álcool, mas de uma forma mais leve e comedida que torna a leitura muito gostosa. Garrett e Hannah tem muita química e não tem como não ler esse livro em um único dia. Quando peguei ele, pensei que minha fase pra esse tipo de história já tinha passado, mas não! Na verdade ela renasceu e eu só quero mais e mais, hahaha.

É outro livro que contém sexo e esse ponto é mais pesado, tipo, tem bastantes cenas, então também fica o aviso pra esse aqui, que eu adoro, mas entendo que nem todos gostam tanto assim.

3) A Lista Negra.

Resultado de imagem para a lista negra

É outro que eu não deixaria de fora.

Penso que esse é o mais pesado da lista, porque tratamos de um caso de assassinato em massa em uma escola. Nossa protagonista, Valerie, era namorada do cara que assassinou várias pessoas em seu colégio e o problema de tudo isso é que eles trocavam muitas mensagens de repulsa contra seus “colegas” e chegavam a ter uma lista com os que mais odiavam. Tudo isso é descoberto pela polícia e Valerie acaba recebendo parte da culpa, mesmo que não tenha ajudado Nick e tenha até mesmo saído atingida por uma bala do ocorrido. O livro todo gira em torno da adaptação de Valerie a essa nova vida, essa nova reputação.

Há os que não gostem desse livro, mas eu o achei perfeito e queria que fosse leitura obrigatória, inclusive, porque uma coisa é você pensar pelo lado das vítimas ou dos que presenciaram, outra é ver o lado do assassino e da namorada dele. Ver o sofrimento da Valerie mesmo tendo noção da inocência dela era algo que me fez questionar, sabem?

Aquele caso de Columbine mesmo, a mãe de um dos garotos chegou a escrever um livro para mostrar o quanto ela não tinha culpa em nada daquilo, porque é isso que as pessoas fazem, procuram um culpado vivo, sendo que as coisas não funcionam assim. A mãe do Dylan (se não me engano), chegou a assumir que torceu para o próprio filho morrer e findar a chacina. Isso é pesado num nível que eu nem consigo imaginar.

São muitas coisas que nos fazem pensar dentro desse livro, quero muito ler Precisamos Falar Sobre Kevin, que trata exatamente do ponto de vista da mãe também, mas ainda não tive a oportunidade.

De qualquer modo, fica a indicação de A Lista Negra, talvez não tenha tanta relevância para o Brasil, mas ainda assim vale a leitura.

Edit: Esse post foi escrito antes do acontecimento em Suzano, aqui no Brasil, com essa nova perspectiva, ressalto ainda mais a indicação desse livro. Vamos refletir sobre o assunto, que se mostra necessário.

4) Mais que Amigos.

Mais que amigos eBook: Layne, Lauren, Boide, Alexandre: Amazon.com ...

Sabe aquele clichê de melhores amigos que acabam percebendo um sentimento além? Isto é Mais que Amigos, da Lauren Layne.

É um livro simples e até previsível, mas que conquista pela escrita fácil e os personagens carismáticos. Eu li em uma deitada só e foi uma experiência muito gostosa. Um romance de deixar o coração quentinho.

Nele, acompanhamos Ben e Parker, os dois vivem juntos no mesmo apartamento, ela tem um namorado perfeito, responsável, estudioso, mas que repentinamente decide terminar com ela. Acontece que Parker não está acostumada com a vida de solteira, e então decide fazer uma sugestão ao seu melhor amigo: e se eles tivessem uma espécie de amizade colorida?

Uma indicação pertinente, eu amei esse livro e Ben, inclusive, entrou para a minha lista de crushs literários. Amo demais.

5) Para Todos os Garotos que Já Amei.

Resultado de imagem para para todos os gastos que já amei

Ok, aqui na verdade acho que se encaixa mais em Young adult, só o terceiro livro que seria um new adult, mas vou indicar mesmo assim, quem gostou bate palma, quem não gostou, paciência.

Acho que todos sabem do que se trata a trilogia, mas vou resumir aqui: Toda vez que Lara Jean queria “deixar de amar” alguém, ela escrevia cartas para essa pessoa. E esse amor, na verdade, é mais algo como uma paixão platônica, e na hora de se despedir dela, as cartas eram a solução. Tudo muda quando por acidente todas as cartas são mandadas para seus destinatários, revelando alguns de seus sentimentos mais íntimos para “todos os garotos que ela já amou”.

Esse é o mais levinho. Não tem tema pesado, não tem cena de sexo. É bem clichê e fofinho. Todos da lista eu li em um dia, mas esse acredito que seja o mais fácil de fazê-lo, porque os livros são baixinhos e não tem tantas páginas.

É a definição de livro para sair da ressaca literária. Não tem erro: Lara e Peter estão aí para adoçar e aquecer nossos corações mesmo e o fazem com muito talento. Amo esses dois!

[Meu Skoob para quem quer estar por dentro de minhas próximas leituras]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: